Advogado é preso suspeito de molestar jovem no Metrô de SP
Estudante passou mal ao ser impedida de sair da composição.
Homem de 46 anos foi preso em flagrante.
Do G1 SP

Um advogado de 46 anos foi preso suspeito de molestar uma estudante de 21 anos dentro de um vagão da Linha 3-Vermelha do Metrô, no sentido Zona Leste, na noite desta sexta-feira (14), segundo informações da Secretaria da Segurança Pública de São Paulo.
De acordo com a polícia, a jovem estava dentro do vagão do Metrô, entre as estações República e Belém, quando o advogado colocou seu órgão genital para fora da calça e passou a se esfregar na vítima. O episódio ocorreu por volta das 18h40, um dos horários de maior movimento na linha.
saiba mais
Polícia ainda investiga ataque sexual no Metrô de SP
Como o trem estava lotado, o homem impediu que a jovem deixasse o trem, segundo o relato. Ela, então, começou a passar mal. Passageiros tentaram socorrê-la, quando perceberam que ela estava sendo molestada.
Os seguranças do Metrô foram acionados e levaram o advogado para a Delegacia do Metropolitano, onde ele foi preso em flagrante por suspeita de violação sexual mediante fraude (prática de ato libidinoso com alguém de maneira a impedir ou dificultar a livre manifestação da vontade da vítima).
Ele foi transferido para o 31ºDP, na Vila Carrão. A reportagem não conseguiu falar com o advogado dele.

FONTE: http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2011/10/advogado-e-preso-suspeito-de-molestar-jovem-no-metro-de-sp.html

Anúncios

Sobre César.

Liberdade é o direito de fazer tudo o que a lei permite. Montesquieu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s