Diferença entre prescrição parcial da total.

PRESCRIÇÃO TOTAL ocorre nas situações em que se verefica ato único do empregador, se o direito do trabalhador não estiver assegurado assegurado em preceito de lei. Ex; Súmula n- 294 TST (alteração contratual) , (revisão da Súmulas 168 e 198). Tratando-se de demanda que envolva pedido de prestações sucessivas decorrente de alteração do pactuado, a prescrição é total. Outro Ex. Em se tratando de pedido de complementação de aposentadoria oriunda de norma regulamentar e amais paga ao ex-empregador, a prescriçào aplicavel é total.

A PRESCRIÇÃO PARCIAL por sua vez, estaria relacionada à diferença de complementação de aposentadoria não paga. Isso é, as parcelas vencem mês a mês, atingindo os últimos dois anos. Conforma Súmula 327 do TST, Complementação dos proventos de aposentadoria. Ou seja, quando tratar de pedidos de diferenças de complementação de aposentádoria oriunda de norma regulamentar, a prescrição aplicável é a parcial.

FONTE: PERGUNTAS ELABORADAS PELO PROFESSOR ENOQUE RIBEIRO DOS SANTOS, FACULDADE UDC.

Anúncios

Sobre César.

Liberdade é o direito de fazer tudo o que a lei permite. Montesquieu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s